POLÍTICAS DE TRATAMENTO DE INFORMAÇÕES PESSOAIS:

PRIMEIRO: GENERALIDADES

Temos um interesse especial em proteger e respeitar as suas informações e dados pessoais e por isso estabelecemos estas políticas de tratamento da informação, no âmbito da Lei 1581 de 2012 e do Decreto Regulamentar 1377 de 2013.

1.1.- Introdução.

A Compañía Hotelera Andes Plaza poderá coletar dados pessoais dos seus usuários, hóspedes ou visitantes, através dos diferentes médios destinados para o acesso aos serviços prestados por estes. Em todo caso, a coleta será feita sob expressa autorização do titular dos dados e o tratamento dos mesmos, estarão sujeitos ao estipulado por Lei.

A informação pessoal objeto das considerações aqui estabelecidas pode ser coletada pela Compañía Hotelera Andes Plaza através do site www.emhotels.com,, através da visita ou aquisição de serviços oferecidos na plataforma, ou diretamente nos hotéis vinculados ou associados à Compañía Hotelera Andes Plaza.

As considerações aqui estabelecidas pelo Titular da Informação serão entendidas como aceitas quando ele visitar ou utilizar a página www.emhotels.com e/ou quando inserir dados ou informações pessoais através das funções estabelecidas para tal, seja qual for a finalidade.

1.2- Princípios gerais.

A obtenção e coleta de dados pessoais, bem como o uso, tratamento, processamento, intercâmbio, transferência e transmissão dos mesmos pela Compañía Hotelera Andes Plaza ou qualquer uma das sociedades operadoras dos hotéis Compañía Hotelera Andes Plaza, estará sempre orientada pelos princípios legais, liberdade, veracidade, transparência, segurança, sigilo, princípio de acesso e circulação restrita.

1.3- Definições legais.

De acordo com a Lei 1581 de 2012 e o Decreto 1377 de 2013, as seguintes definições irão reger as políticas de tratamento da informação pessoal.

1.3.1.- Encarregado do Tratamento: Entende-se por encarregado do tratamento a pessoa física ou jurídica, pública ou privada, que por si própria ou em associação com terceiros, realize o Tratamento dos dados pessoais por conta do Responsável pelo Tratamento;

1.3.2.- Responsável pelo Tratamento: Entende-se por responsável do tratamento a pessoa física ou jurídica, pública ou privada, que por si própria ou em associação com terceiros, decida sobre a base de dados e/ou o Tratamento dos dados;

1.3.3.- Base de Dados: Entende-se por base de dados o conjunto organizado de dados pessoais que seja objeto de Tratamento;

1.3.4.- Dado pessoal: Entende-se por dado pessoal qualquer informação vinculada ou que possa se associar a uma ou a várias pessoas naturais determinadas ou determináveis;

1.3.5.- Dados sensíveis: entende-se por dados sensíveis aqueles que afetam a privacidade do Titular ou cujo uso indevido pode gerar discriminação, como aqueles que revelam origem racial ou étnica, orientação política, convicções religiosas ou filosóficas, filiação sindical, social, de direitos humanos, organizações ou que promovam os interesses de qualquer partido político ou que garantam os direitos e garantias de partidos políticos de oposição, bem como dados relativos à saúde, vida sexual e dados biométricos.

1.3.6.- Dado público: é o dado que não é semiprivado, privado ou sensível. São considerados dados públicos, entre outros, os dados relativos ao estado civil das pessoas, profissão ou ofício e à sua qualidade de comerciante ou servidor público. Por sua natureza, os dados públicos podem estar contidos, entre outros, em cadastros públicos, documentos públicos, jornais e diários oficiais e em decisões judiciais devidamente executórias que não estejam passíveis de reserva.

1.3.7.- Transferência: A transferência de dados ocorre quando o Responsável e/ou Encarregado do Tratamento de dados pessoais, radicado na Colômbia, envia a informação dos dados pessoais a um receptor, que por sua vez, é o Responsável do Tratamento e se encontra dentro ou fora do país.

1.3.8- Transmissão: Tratamento de dados pessoais que implica a comunicação dos mesmos dentro ou fora do território da República da Colômbia quando tiver por objeto a realização de um Tratamento pelo Encarregado por conta do Responsável.

SEGUNDO: AUTORIZAÇÃO DO TITULAR:

Os dados fornecidos estarão sujeitos a tratamento autorizado, previamente concedido, expresso e informado pelo Titular dos mesmos, diretamente à Compañía Hotelera Andes Plaza, ou através dos hotéis da Compañía Hotelera Andes Plaza ou das sociedades que os operam.

No entanto, a visita, o ingresso ou a utilização que se faça da página web www.emhotels.com constitui por si só na autorização prévia, expressa e informada do armazenamento, coleta e tratamento da informação de acordo com a política de tratamento de dados aqui contidos.

Em todo caso, a coleta de dados limitar-se-á àqueles dados pessoais pertinentes e adequados para o fim a que este se destina.

TERCEIRO: TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO:

3.1- Dados coletados. A coleta de dados para o desenvolvimento do Tratamento e as finalidades por este perseguidas, recairá sobre os dados pessoais que a Compañía Hotelera Andes Plaza receba e armazene e sobre as sociedades e hotéis vinculados ou associados à Compañía Hotelera Andes Plaza, e incluirá toda informação que for fornecida ou disponibilizadas na visita à página web www.emhotels.com, , bem como toda aquela relacionada com os serviços ou reservas efetuadas, e os dados de alojamento fornecidos à Compañía Hotelera Andes Plaza ou a qualquer um dos hotéis associados a esta.

Sem prejuízo de que em alguns casos se trate de dados públicos, as informações coletadas serão as correspondentes ao nome, número de identificação, profissão, nacionalidade, data de nascimento, e-mail, preferências e interesses pessoais, trabalho ou atividade, hábitos de consumo ou de viagem, entre outros. Se a reserva for feita através da página web www.emhotels.com, , será coletada a informação correspondente ao cartão de crédito disponibilizado para os efeitos da reserva e estada.

3.2- Tratamento ao qual os dados serão submetidos e a finalidade disso.

Os dados e informações obtidas e coletadas pela Compañía Hotelera Andes Plaza, ou pelas sociedades operadoras de tais hotéis da Companhia, serão utilizados no curso normal das suas atividades comerciais apenas para os fins previstos na presente política de tratamento da informação, de forma a criar uma comunicação direta e eficaz com o cliente, ou que leve ao estabelecimento de um vínculo mais próximo.

O tratamento consiste no envio de informação digital através de diferentes canais de comunicação, com o intuito de contatar o titular para enviar pesquisas de serviço após cada estada cujo objetivo é obter a qualificação do serviço prestado, e comunicar sobre ofertas, promoções, portfólio de serviços, convites ou informações do Hotel ou dos hotéis que fazem parte da Compañía Hotelera Andes Plaza, sem que em nenhum momento seus dados sejam facilitados, transferidos ou entregues a outras pessoas que não façam parte do Hotel que coletou a informação, ou aos hotéis e atividades relacionadas com Compañía Hotelera Andes Plaza e as atividades que desenvolve. Adicionalmente, através da coleta de dados pretende-se: efetuar, tramitar e/ou concluir reservas ou compra de noites de hotel ou outros serviços; realizar estudos internos sobre hábitos de turismo; avaliar a qualidade dos nossos serviços; enviar pesquisas e enquetes sobre os serviços prestados; responder oportunamente as solicitações ou necessidades do cliente; comunicar convites, ofertas, promoções e informações em geral sobre o portfólio de serviços oferecidos por pessoas físicas ou jurídicas diretamente vinculadas à operação hoteleira e, especificamente, com os serviços prestados pela Compañía Hotelera Andes Plaza e as empresas associadas e hotéis que os operam.

A informação ou dados fornecidos que sejam coletados ou armazenados de acordo com estas políticas poderão ser compartilhados, transmitidos, atualizados e/ou eliminados entre a Compañía Hotelera Andes Plaza e suas sociedades operadoras com o intuito definido na presente política, para serem usados da forma aqui estabelecida. Ao ingressar na página web www.emhotels.com você autoriza que as suas informações e dados sejam compartilhados com os operadores turísticos relacionados e ante aqueles que processam suas reservas e/ou solicitações.

Presume-se que todas as informações ou dados fornecidos ou depositados através da página web www.emhotels.com são verdadeiros, precisos e completos, podendo ser retirados a qualquer momento caso sejam considerados nocivos ou prejudiciais aos seus interesses ou os aos interesses de terceiros.

Os dados e, em geral, a informação recebida quando você ingressa na página web www.emhotels.com pode ser tanto sua quanto do computador através do qual você está ingressando. Com o objetivo de otimizar e tornar mais eficiente a sua experiência visitando a página web www.emhotels.com, cookies poderão ser utilizadas e/ou web beacons, bem como poderá obter e armazenar a informação das páginas de Internet visitadas, o seu endereço IP, o sistema operativo do computador a partir do qual você está ingressando, através de um processo de reconhecimento e rastreamento que permite identificar suas preferências e identificá-lo quando você visitar a página novamente e armazenar determinados registros, com base em seu endereço IP. O endereço IP não está associado ou vinculado ao seu nome ou aos seus dados pessoais.

3.3.- Dados sensíveis e dados relativos a crianças e adolescentes. Nem a Companhia Hoteleira Andes Plaza nem as sociedades operadoras de hotéis da Companhia Hoteleira Andes Plaza tratarão dados considerados sensíveis, nem a coleta de dados se destina a coletar informações de caráter sensível e sigiloso.

A coleta de dados correspondentes a crianças e adolescentes menores, e a respectiva autorização, deverão ser sempre efetuadas por intermédio do seu representante legal, prévio exercício do menor a seu direito a ser ouvido. O tratamento dos dados relativos a crianças e adolescentes deverá responder e respeitar o interesse superior de crianças e adolescentes e seus direitos fundamentais. Caso, por qualquer motivo, alguma pergunta possa levar a uma resposta sobre dados sensíveis ou dados de crianças e adolescentes, a resposta para tal pergunta terá caráter facultativo.

3.4.- Deveres do responsável do tratamento da informação.

Os responsáveis ​​pela informação e/ou os responsáveis ​​e encarregados do tratamento dos dados pessoais estão obrigados a: a) Garantir ao Titular, a todo o tempo, o pleno e efetivo exercício do direito de habeas data; b) Solicitar e guardar, nos termos previstos na lei, cópia da respectiva autorização concedida pelo Titular; c) Informar adequadamente ao Titular a finalidade da coleta e os direitos que o assistem em virtude da autorização concedida; d) Manter a informação sob as condições de segurança necessárias para evitar a sua adulteração, perda, consulta, utilização ou acesso não autorizado ou fraudulento; e) Garantir que as informações prestadas ao Encarregado do Tratamento sejam verdadeiras, completas, exatas, atualizadas, verificáveis ​​e compreensíveis; f) Atualizar as informações, comunicando em tempo hábil ao Encarregado do Tratamento, todas as novidades sobre os dados que você forneceu anteriormente e adotar as demais medidas necessárias para que as informações fornecidas ao mesmo se mantenham atualizadas ; g) Ratificar a informação quando estiver incorreta e comunicar o pertinente ao Encarregado do Tratamento; h) Disponibilizar ao Encarregado do Tratamento, conforme o caso, apenas dados cujo Tratamento esteja previamente autorizado de acordo com o disposto na presente lei; i) Exigir que o Encarregado do Tratamento, em todos os momentos, respeitare as condições de segurança e privacidade das informações do Titular; j) Tramitar as dúvidas e reclamações formuladas nos termos indicados na lei; k) Informar ao Encarregado do Tratamento quando determinada informação estiver em discussão por parte do Titular, uma vez que a reclamação tenha sido apresentada e o respectivo trâmite não tenha sido concluído; l) Informar a pedido do Titular sobre a utilização dada aos seus dados; m) Informar a autoridade de proteção de dados quando houver violação dos códigos de segurança e quando houver riscos na administração das informações dos Titulares. n) Cumprir as instruções e exigências emanadas pela Superintendência de Indústria e Comércio.

QUARTO: DIREITOS E FACULDADES DO TITULAR

4.1.- Direitos do titular. Uma vez concedida a autorização do por parte do Titular para o tratamento correspondente, este tem o direito de: a) Conhecer, atualizar e ratificar os seus dados pessoais. Este direito pode ser exercido diante a dados parciais, inexatos, incompletos, fracionados, enganosos ou aqueles cujo Tratamento esteja expressamente proibido ou não autorizado; b) Solicitar prova da autorização concedida, salvo quando expressamente ressalvado como requisito para o Tratamento, nos termos do disposto no artigo 10 da Lei 1581, de 2012; c) Ser informado pelo responsável e/ou encarregado dos dados pessoais, mediante prévio pedido, da utilização que foi dada aos seus dados pessoais; d) Apresentar à Superintendência da Indústria e Comércio reclamações por infração ao disposto na lei; e) Revogar a autorização e/ou solicitar a eliminação dos dados quando no Tratamento não forem respeitados os princípios, direitos e garantias constitucionais e legais. A revogação e/ou exclusão ocorrerá quando a Superintendência da Indústria e Comércio determinar que o Tratamento incorreu em conduta contrária a esta lei e à Constituição; f) Solicitar, a todo o momento ao responsável ou encarregado, a eliminação dos seus dados pessoais e/ou revogar a autorização concedida para o Tratamento dos mesmos, mediante a apresentação de reclamação, não procederão quando o Titular tiver um dever legal ou contratual de permanecer no banco de dados. g) Acesso gratuito aos seus dados pessoais que foram objetos de Tratamento: (i) pelo menos uma vez a cada mês e (ii) cada vez que houver modificações substanciais nas Políticas de Tratamento da Informação que motivem novas consultas. No caso de pedidos cuja periodicidade seja superior a uma por cada mês, o responsável e/ou encarregado poderá cobrar do Titular as despesas de envio, reprodução e, se for caso disso, autenticação de documentos.

4.2.- Legitimação para o exercício dos direitos do titular.

As seguintes pessoas também têm o direito de exercer os direitos que auxiliam o titular das informações: a). O próprio titular, que deve comprovar sua identidade em forma suficiente pelos meios que lhe são colocados à disposição pelo responsável; b). Seus sucessores, são os que devem provar tal qualidade; c). O representante e/ou procurador do Titular, prévia acreditação da representação ou procuração; d). Por estipulação a favor de outro ou para outro; e). Os direitos das crianças e adolescentes serão exercidos por quem estiver na faculdade para representá-los, após prévia acreditação do poder de representação.

4.3.- Setor responsável do atendimento a acompanhamento do titular.

O atendimento e resposta às consultas, solicitações e reclamações dos Titulares em relação a qualquer aspecto do tratamento, ficarão a cargo do setor jurídico. O Titular das informações que deseja conhecer, atualizar, ratificar, solicitar comprovante da autorização concedida; ser informado do uso que foi dado aos seus dados pessoais; revogar a autorização e/ou solicitar a eliminação do (s) dado (s) e/ou acessar gratuitamente aos seus dados pessoais que tenham sido objeto de Tratamento, deverá solicitá-lo por escrito diretamente através do e-mail andesvirtual@hotelandesplaza.co ou enviar a comunicação para a Avenida 15 Calle 100 Chicó norte, Bogotá (Colômbia). Em ambos os casos, deve ser indicado o seguinte: a) nome completo; b) documento de identidade; c) endereço físico e e-mail; d) telefone para contato; e) Lista resumida das informações e dados aos que se refere, indicando expressamente o escopo e o conteúdo da solicitação; e, f) acompanhar os documentos que julgar fundamentar sua solicitação.

4.4.- Procedimento para exercer os direitos a conhecer, atualizar, ratificar ou eliminar informação e revogar autorização.

Os procedimentos de acesso, atualização, exclusão e ratificação de dados pessoais, e de revogação de autorização, podem ser realizados por meio de consultas ou reclamações enviadas ao e-mail andesvirtual@hotelandesplaza.co ou ao endereço Avenida 15 Calle 100 Chicó norte, Bogotá (Colombia), de acordo com o objetivo que almejam, estabelecendo pelo menos, a legitimação que se tem para realizar a solicitação e expondo de forma clara e concreta o que se pretende.

Todas as solicitações, sugestões e recomendações relacionadas ao tratamento de informações devem ser enviadas para o e-mail andesvirtual@hotelandesplaza.co . O titular da informação ou a pessoa legitimada, deve acompanhar à sua escrita a prova da qualidade na que atua, e deve fornecer os dados e documentos necessários para dar constatação da sua identidade e da sua qualidade.

No e-mail deve ser especificado o motivo ou objeto da comunicação, e para isso bastará que o texto indique que está sendo exercido o direito de saber, atualizar, ratificar, eliminar ou revogar a autorização concedida.

4.5.- Procedimento para a correção, atualização ou eliminação de dados e para a apresentação de queixas e reclamações. Quem estiver legitimado por lei, e considerar que as informações contidas devem ser passíveis de correção, atualização ou eliminação; ou quando considerar que o tratamento dado aos dados pessoais viola os regulamentos legais, poderá, de acordo com o artigo 15 da Lei 1581 de 2012, apresentar suas reclamações através do e-mail andesvirtual@hotelandesplaza.co .

As queixas e reclamações serão processadas de acordo com as seguintes regras:

4.5.1.- A reclamação será formulada por meio de solicitação dirigida ao Responsável do Tratamento ou ao Encarregado do Tratamento, com a identificação do Titular, a descrição dos fatos que motivaram a reclamação e o endereço, acompanhada dos documentos que deseja impor. Se a reclamação estiver incompleta, o interessado será solicitado no prazo de 5 (cinco) dias úteis após o recebimento da reclamação para corrigir as falhas. Decorridos dois (2) meses a partir da data do pedido, sem que o requerente tenha apresentado as informações solicitadas, será entendido como desistência e retiro da reclamação. Caso o recebedor da reclamação não tenha competência para resolvê-la, tal reclamação será repassada a quem corresponda no prazo máximo de 2 (dois) dias úteis, e o interessado será informado da situação.

4.5.2.- Assim que for recebida a reclamação completa, será incluída no banco de dados uma legenda que diz “reclamação em curso” e o motivo da mesma, num prazo não superior a 2 (dois) dias úteis. A referida legenda deve ser mantida até que a reclamação seja decidida.

4.5.3.- O prazo máximo para atender à reclamação será de 15 (quinze) dias úteis a partir do dia seguinte ao do recebimento. Quando não for possível atender à reclamação dentro do referido prazo, o interessado será informado dos motivos do atraso e da data em que será atendida sua reclamação, que em nenhum caso poderá ultrapassar 8 (oito) dias úteis contados a partir da expiração do primeiro termo.

4.6.- 4.6.- Consulta e acesso à informação. As consultas de dados pessoais contidos na base de dados da Compañía Hotelera Andes Plaza, serão atendidas mediante solicitação por escrito via e-mail andesvirtual@hotelandesplaza.co . As dúvidas serão respondidas no prazo máximo de dez (10) dias úteis a partir da data de recebimento. Quando não for possível atender a consulta no referido prazo, o interessado será informado antes do decurso de 10 (dez) dias úteis, expressando os motivos do atraso e indicando a data em que será atendida a consulta, o que em nenhum caso poderá exceder cinco (5) dias úteis após o término do primeiro prazo.

QUINTO: SEGURANÇA.

5.1.- Segurança no gerenciamento da informação.

Os dados coletados serão sempre tratados num quadro de confidencialidade, motivo pelo qual não serão fornecidos, transferidos ou entregues a outras pessoas distintas ou alheias ao Hotel, à Compañía Hotelera Andes Plaza ou às sociedades operadoras da Compañía Hotelera Andes Plaza, ou quem tenha autorização legítima para fazer isso.

5.2.- Transferência e transmissão de dados.

No caso de ser celebrado contrato com uma terceira pessoa profissional e com experiência na gestão e utilização de banco de dados, o responsável assinará o contrato de transmissão de dados pessoais ao que se refere o artigo 25º do decreto 1377 de 2013.

SEXTO: DIFUSÃO E VALIDADE.

6.1.- Meios de difusão das políticas de tratamento da informação e do aviso de privacidade.

O presente documento, através do qual se estabelecem as políticas para o tratamento da informação sobre os dados pessoais coletados, estará publicado de forma permanente no vínculo ̶ URL de tratamento da informação ̶ para que possa ser consultado por todos os interessados. No momento da solicitação da autorização expressa do Titular para o tratamento dos dados, serão indicados os fins específicos para os quais o consentimento é obtido e a Política de Tratamento e os direitos que o auxiliam como Titular serão divulgados.

6.2.- Entrada em vigor das políticas de tratamento da informação.

A coleta, armazenamento, utilização e circulação de dados pessoais, no desenvolvimento das considerações aqui estabelecidas, serão efetuadas e mantidas enquanto se mantiver vigente a necessidade de comunicação direta com o cliente e não existam formas mais eficientes de o fazê-lo, de acordo com as finalidades propostas pelo Tratamento. Caso o objetivo não possa ser alcançado através do Tratamento dado aos dados pessoais, estes serão eliminados definitivamente do banco de dados. Este documento entra em vigor no dia 22 de fevereiro de 2016.

6.3.- Procedimento para os eventos de modificação das políticas.

Caso sejam efetuadas modificações nas políticas de tratamento de dados pessoais aqui estabelecidas, as mesmas serão notificadas e comunicadas através desta mesma página web, antes de entrar em vigor.

6.4.- Incorporação das condições de uso da página web www.emhotels.com.

De acordo com os regulamentos aplicáveis, a política de tratamento da informação é parte integrante dos termos e condições de uso da página www.emhotels.com.

6.5. - Responsável pelas informações.

A empresa Compañía Hotelera Andes Plaza, com NIT 830.012.169-9, é responsável e se encarrega do tratamento dos dados pessoais, juntamente com cada uma das sociedades operadoras vinculadas que tenham coletado a informação. Quando a informação tenha sido recebida ou coletada por alguma de suas sociedades vinculadas, com autorização expressa para ser transferida, a Companhia Hoteleira Andes Plaza será responsável do tratamento.

Qualquer comunicação pode ser enviada para Avenida 15 Calle 100 Chicó norte, Bogotá (Colombia), ou para o email andesvirtual@hotelandesplaza.co .